20
jul
09

Dica de leitura, por Paulo Tedesco

dicas leitura 

Malagueta, Perus e Bacanaço, de João Antônio – por Paulo Tedesco

Título: Malagueta, Perus e Bacanaço
Autor: João Antonio
Editora: Cosac Naify, 2004

Minha Recomendação é Malagueta, Perus e Bacanaço, livro de João  Antônio. A começar pela qualidade do livro dessa recente edição e de uma bela surpresa com um encarte primoroso, a obra por si só é uma pérola da literatura brasileira, seja pela linguagem inovadora, pelo tema popular, seja pela ambientação e poéticas muito próprias de João Antônio. Enfim, maravilhoso.
PAULO TEDESCO 01

 

Paulo Tedesco é consultor gráfico e editor. Autor de Quem tem medo do Tio Sam?, contos e crônicas.

Links: http://paulotedesco.blogspot.com/

Um pouquinho mais sobre João Antônio

JOÃO ANTÔNIOJoão Antônio Ferreira Filho (São Paulo, 1937 – Rio de Janeiro, 1996), jornalista e escritor brasileiro, criador do conto-reportagem no jornalismo brasileiro e contista que se tornou conhecido por retratar os proletários e marginais que habitam as periferias das grandes cidades. Nos mais de quinze livros que deixou mostra sua extrema habilidade em fundir a linguagem falada nas ruas e a escrita literária. Atuou intensamente na imprensa e foi um ardoroso defensor dos direitos do escritor no Brasil. Premiada, sua obra é objeto de análise dos mais importantes críticos literários brasileiros.

MALAGUETA PERUS E BACANAÇOMalagueta, Perus e Bacanaço, livro de estréia em que João Antonio, aos 26 anos, viu-se imediatamente apontado pela crítica como sucessor da tradição fundada por Mário de Andrade e Antônio de Alcântara Machado, na qual a literatura e a capital paulistana são indissociáveis. Os contos de abertura equilibram com maestria a emotividade de histórias simples e uma notável ausência de sentimentalismo. Os últimos instauram aquele que seria um dos temas primordiais da obra do escritor: o mundo da sinuca e da malandragem, com seus tipos, sua ética, sua estética, por meio de uma estilização brilhante da linguagem oral. Acompanha a edição um encarte, com fotos inéditas e um pequeno relato sobre as circunstâncias em que o escritor compôs a antologia que até hoje é considerada sua maior obra-prima. O encarte traz, ainda, a narrativa que constituiu a gênese do conto-título do volume, “Malagueta, Perus e Bacanaço”. [Divulgação Cosac Naify]

Obras publicadas

1963 Malagueta, Perus e Bacanaço
1975 Leão-de-chácara
1975 Malhação do Judas carioca
1977 Lambões de caçarola
1977 Calvário e Porres do Pingente Afonso Henriques de Lima Barreto 1978 Ô Copacabana!
1978 Casa de Loucos
1982 Dedo-duro
1984 Meninão do caixote (coletânea)
1986 Abraçado ao meu rancor
1991 Zicartola e que tudo mais vá pro inferno!
1992 Guardador
1996 Patuléia1996 Sete vezes rua (Editora Scipione)
1996 Dama do Encantado

 

Os livros recomendados nesta seção podem ser adquiridos na Palavraria.
Informe-se da sua disponibilidade no estoque.
51 3268 4260
palavraria@palavraria.com.br

 

MARCADOR 01_LIVROS

About these ads

0 Responses to “Dica de leitura, por Paulo Tedesco”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


julho 2009
S T Q Q S S D
    ago »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Categorias

Blog Stats

  • 457,094 hits

Comunidade

Follow Palavraria – Livros & Cafés on WordPress.com

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.470 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: