.

.

Cursos e Oficinas na Palavraria -2011

.

Através de parcerias com instituições ou produtores culturais, a Palavraria abriga, ao longo do ano, uma série de cursos e oficinas de duração variável. Abaixo registro das atividades realizadas e em realização. Algumas dessas atividades contemplam a possibilidade de participação de interessados mesmo após terem sido iniciadas. Contate para informações:

Palavraria Livros & Cafés: 51 3268 4260
Rua Vasco da Gama, 165 – Bom Fim – Porto Alegre
De segunda a sábado, das 11 às 21h

.

Oficina de Histórias em Quadrinhos
Com Lehgau-Z Qarvalho

 

Dias 06 e08 de dezembro de 2011
Na Palavraria

.

.

 

 

 “O trabalho que fazemos é tão exigente como o que tem qualquer um dos grandes pintores. Nada que apareça em uma página de HQ é acidental, antes passou por nossa mente e nossa imaginação.”

Will Eisner

A HQ ou História em Quadrinhos é, sem dúvidas, uma das artes e formas de comunicação mais populares do mundo. Sua história é longa e sólida. Ao contrário das belas-artes, que se baseiam na exclusividade de uma criação individual, a HQ moderna tem a ver com reprodução em massa, especializando-se em fazer com que tantas pessoas quanto possível entendam uma mensagem ou uma ideia nos mais variados formatos. Ou seja, a HQ é uma forma de arte de longo alcance e um instrumento de comunicação muito poderoso.

Além disso, a indústria dos quadrinhos muda todo dia e muito rapidamente. Velhos formatos se vão e outros nascem. Mas existem princípios narrativos que vêm demonstrando ao longo dos anos a sua eficácia; princípios que valiam há um século e continuarão valendo por, ao menos, mais um.

Quando: Dias 06 e 08 de dezembro, das 14:30 às 17:30

Onde: Na Palavraria – Vasco da Gama, 165 – Telefone: 3268 4260

Quanto: R$70,00 por participante

www.lehgau-z.blogspot.com

.

.

Oficina de Criatividade

Com Lehgau-Z Qarvalho

Dias 05 e 07 de dezembro de 2011
Na Palavraria

.

 

 “O homem criativo não é o homem comum ao qual se acrescentou algo; o homem criativo é o homem comum do qual nada se tirou.” 

Abraham Maslow


A Oficina de Criatividade é uma atividade dinâmica e multidisciplinar que envolve fala, conversação, escrita, desenho, teatro, música, dobradura, recorte e bons sentimentos.

Durante dois encontros passeia-se por várias áreas e atividades lúdicas trabalhando sempre questões relativas aos bloqueios e aos desbloqueios da capacidade criativa de cada um.

Ao final, os resultados são sempre os melhores possíveis, e cada participante constrói dicas e possibilidades para um dia-a-dia mais criativo e, por consequência, mais feliz.

Quando: Dias 05 e 07 de dezembro, das 14:30 às 17:30

Onde: Na Palavraria – Vasco da Gama, 165 – Telefone: 3268 4260

Quanto: R$70,00 por participante

Lehgau-Z Qarvalho (nascido e registrado Alexandre Carvalho da Rosa) é jornalista por formação; artista gráfico por impulso; músico por amor e escritor por compulsão. Nasceu em Porto Alegre, Rio Grande do Sul; e renasceu na Internet, mundo. É autor do livro A Teoria das Sombras (2007 – Oikos Editora), da Coleção Gibicróbio (2010 – BIFE editorial) e da HQ Halvin & Caroldo (2011 – BIFE editorial); é ilustrador freelancer; é pós-graduado em Teoria da Comunicação; ministra cursos de desenho, de desinibição textual e escrita criativa, histórias em quadrinhos e oficinas de mini-comics na Palavraria, na Koralle, no Colégio Israelita, na Escola Projeto e em agências de propaganda, endomarketing e assessorias de comunicação em Porto Alegre, e na Universidade Feevale, em Novo Hamburgo; é palestrante e ministra oficinas sobre criatividade nos mais diversos lugares e para os mais diversos públicos; compôs, dirigiu, executou e coloriu o álbum de música experimental contemporânea Pintura Sônica (2007); é o idealizador do projeto Desenhando Na Rua; é criador do projeto Lori-Jel, que visa espalhar HQs pelo mundo, e da banda de música fictícia Traquitana Vulnerável; alimenta vinte blogs ao mesmo tempo; é diretor e editor da BIFE Editorial; vencedor do Primeiro GoGoComics Awards de mini-comics; compõe trilhas sonoras para teatro e espetáculos de dança; compôs, arranjou, gravou e lançou o single Samba Triste – o primeiro samba progressivo do mundo (2010/2011); e adora livros, música, HQs, produção independente, café(s), quindins, pistaches e outras coisas encantadas.

www.lehgau-z.blogspot.com

.

.

Oficina de contos
Com Altair Martins

Dias 19 e 26 de novembro, 03 e 10 de dezembro de 2011
Das 10 as 12h, na Palavraria

Investimento R$ 250,00

Objetivo: promover estudo teórico e prático do conto, ampliando as possibilidades de criação da narrativa em prosa, passando por elementos como narrador e personagem.

Metodologia: aulas expositivas, debates e leituras em grupo de textos teóricos e de contos expressivos da literatura universal, com destaque para a produção contemporânea brasileira e gaúcha); produção textual de contos.

Os encontros: serão 4 encontros de 2h divididos em duas atividades básicas – os encontros têm a seguinte estrutura: na primeira parte, aferição das leituras (teoria e cânone) e conclusões teóricas; na segunda, exposição, debate e considerações acerca da produção e reescritura discentes e encomenda dos textos seguintes.

Primeiro encontro:       

atividade A: um pouco da história do conto

                        atividade B: leitura de minicontos

                        produção UM: sugestão – miniconto

leituras da semana: 1) teorias do conto: Edgar Allan Poe; 2) contos fantásticos: O retrato oval, de Edgar Allan Poe; Uma gota, Dino Buzzatti; O crocodilo I e II, de Amílcar Bettega Barbosa; O travesseiro de plumas, de Horácio Quiroga; A casa tomada, de Julio Cortázar; Funes, o memorioso, de Jorge Luís Borges.

 

Segundo encontro:        

atividade A: 1) análise das leituras teóricas da semana; 2) conclusões teóricas do conto UM; 3) análise da leitura de “contos fantásticos”.

                        atividade B: análise das produções discentes de miniconto.

                        produção e reescritura DOIS: sugestão – conto fantástico

leituras da semana: 1) Teorias do conto: Júlio Cortázar; 2) contos psicológicos ou de atmosfera: Uns braços, de Machado de Assis; O búfalo, de Clarice Lispector; Herbarium, de Lygia Fagundes Telles; O Zahir, de Jorge Luis Borges

Terceiro encontro:        

atividade A: 1) análise das leituras teóricas da semana; 2) conclusões teóricas do conto DOIS; 3) análise da leitura de “outros contos fantásticos”.

                        atividade B: análise das produções discentes de conto.

                        produção e reescritura TRÊS: sugestão – conto de conflito humano ou social

                        leituras da semana: 1) teorias do conto: Ricardo Piglia; 2) contos de vida social: O cobrador, de Rubem Fonseca; O sul, de Jorge Luís Borges; O caso da vara, de Machado de Assis; Meu tio Júlio e O colar, de Guy de Maupassant; Guapear com frangos, Sérgio Faraco

 

Quarto encontro:           

atividade A: 1) análise das leituras teóricas da semana; 2) conclusões teóricas do conto TRÊS; 3) análise da leitura de “contos de vida social UM”.

                        atividade B: análise das produções discentes de conto.

                        produção e reescritura QUATRO: ajustes na produção dos contos


O ministrante:

Altair Martins nasceu em Porto Alegre, em 1975. É bacharel em letras pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul – ênfase em tradução de língua francesa –, mestre em Literatura Brasileira e doutorando na mesma área pela mesma universidade. Ministrou a disciplina de Conto no curso superior de Formação de Escritores da UNISINOS. Tem textos publicados em Portugal, Itália, França e EUA. Seus textos mais conhecidos:

Como se moesse ferro (contos). Porto Alegre: WS Editor, 1999.

dentro do olho dentro (conto). Porto Alegre: WS Editor, 2001.

Geração 90, manuscritos de computador (coletânea dos contistas da década de 90, organizada por Nelson de Oliveira) – conto Sol na chuva à noite. São Paulo: Boitempo editorial, 2001.

Se choverem pássaros, (contos). Porto Alegre: WS editor, 2002.

Geração 90, transgressores (coletânea dos contistas da década de 90, organizada por Nelson de Oliveira) – contos Segredo e Sapatos Brancos. São Paulo: Boitempo editorial, 2003.

A parede no escuro (romance). Rio de Janeiro: Record, 2009.

Il brasile per le strade. Antologia de contos da nova literatura brasileira, organizada por Silvia Marianechi. Conto Ira delle Madri. Roma: Azimut, 2008.

Obteve inúmeros prêmios como contista e romancista:

            1o lugar no Prêmio Guimarães Rosa, em 1994, organizado pela Radio France Internationale, com o conto Como se moesse ferro.

1o lugar no Prêmio Guimarães Rosa, em 1999, organizado pela Radio France Internationale, com o conto Humano.

1o lugar no Concurso Nacional de Contos Cidade de Araçatuba, em 2000, com o conto Sol na chuva à noite.

Menção Especial do júri no Prêmio Cidade de Amora, em Portugal, 2000, com o conto Ira das Mães.

1o lugar no Prêmio Luiz Vilella, promovido pela UEMG, em 2000, com o conto dentro do olho dentro.

Prêmio Açorianos, categoria contos, com o livro Como se moesse ferro, 2000.

Finalista do Prêmio Jabuti, 2001, categoria contos e crônicas, com o livro Como se  moesse ferro.

            1o lugar no Concurso Nacional de Contos Josué Guimarães, 2001, com os contos Teatro de Varais, café com açúcar: café com sal e Esconder vestígios.

Finalista do Prêmio Jabuti, 2003, categoria contos e crônicas, com o livro Se choverem pássaros,.

Destaque ficção pela Rede Record/Correio do Povo da 54ª Feira do Livro de Porto Alegre com o romance A parede no escuro.

Prêmio São Paulo de Literatura 2009 com o romance A parede no escuro.

Finalista do Prêmio Jabuti, 2009, categoria romance, com o livro A parede no escuro,.

Prêmio AGES (Associação gaúcha de escritores) para melhor romance de 2009 com A parede no escuro.

Prêmio Açorianos 2009, categoria narrativa longa, com o livro A parede no escuro.

Prêmio Açorianos 2009, livro do ano, com o romance A parede no escuro.

 

Bibliografia básica:

GOTLIB, Nádia Batella. Teoria do Conto. São Paulo: Ática, 1985

CORTÁZAR, Julio. Valise de Cronópio. São Paulo: Perspectiva, 1974.

KIEFER, Charles. A poética do conto. São Paulo: Leya, 2011.

PIGLIA, Ricardo. O Laboratório do Escritor. São Paulo: Iluminuras, 1994.

QUIROGA, Horacio. Obras inéditas Y desconocidas. Montevideo: Arca, 1970.

.

.

O cavaleiro do Templo nas Cruzadas,
Curso com Sérgio Luiz Gallina

09, 16, 23 e 30 de novembro
Quartas-feiras, das 19 às 21h

.

.

Após a queda de Roma, como foi possível haver dois impérios romanos na Idade Média?
Qual foi o legado de Constantinopla?
Por que o feudalismo triunfou no Ocidente medieval?
Quem foi o rei Arthur histórico?
Os cavaleiros da Távola Redonda realmente existiram?
Por que as Cruzadas?
Graal foi mesmo o cálice de Jesus?
Qual foi a relação entre os cavaleiros templários e o Santo Graal?
Por que a Idade Média tornou-se a Idade das Trevas?

O Cavaleiro do Templo é um romance histórico ambientado nas Cruzadas (4 volumes), que permite aos leitores conhecer a realidade histórica da época através da fascinante literatura romanesca. Personagens reais, como Ricardo Coração de Leão, Alienor da Aquitânia, Henrique II, Thomas Becket, entre outros, se entrelaçam com personagens fictícios de modo a refletir as relações humanas, o pensamento e os valores da sociedade feudal dos séculos XII e XIII. A obra trata ainda dos mistérios que envolvem os cavaleiros templários junto aos mitos e lendas do Santo Graal, do rei Arthur e dos cavaleiros da Távola Redonda. Trata-se de uma completa viagem pela Terra Santa, Islã, Império Bizantino e Europa feudal através de eventos históricos fidedignos, com citações dos mais renomados historiadores e comentários do autor. (Prefácio do Prof Dr José Rivair Macedo (UFRGS), medievalista brasileiro)

Venha conhecer o misterioso mundo medieval em quatro noites no curso “O Cavaleiro do Templo e a Idade das Trevas“, a ser realizado na Palavraria nos dias 9, 16, 23 e 30 de novembro, sempre às quartas-feiras,  das 19h30 às 21h.

Quanto: R$ 200,00 (duzentos Reais).

Orientador:
Sérgio Luiz Gallina
é escritor, pesquisador medieval, membro da Associação Brasileira de Estudos Medievais (ABREM) e membro do GT Estudos Medievais da Associação Nacional dos Professores Universitários de História (ANPUH/RS).

.

.

Marinheiros de Primeira Viagem Oficina de iniciação à escrita criativa para jovens escritores II,
com Roberto Medina

de 3 de setembro a 17 de dezembro de 2011
sábados, das 14 às 16h

Em especial, a escrita criativa demarca seu território por meio de poemas, crônicas, contos, novelas, romances e peças de teatro, por exemplo. Dessa forma, podemos aguçar a curiosidade acerca de questionamentos relativos a talento, genialidade, poder criativo, técnicas de escrita e desvendamento crucial da leitura. O homem necessita deslindar e simbolizar seus mundos e representá-los na Arte, tendo a língua portuguesa como ponto de partida: desafio e domínio. Tanto a leitura como a escrita são formas de descobertas e de compreensão sobre o ser humano e as relações sociais entre eles: há uma potencialização em ambas.

Destinatários: Aspirantes a escritores e poetas, estudantes, professores e todos aqueles que amam a literatura.

Objetivos:
– Estudar diferentes autores nacionais e internacionais de varias épocas;
– Descobrir chaves para melhor compreender e interpretar textos literários;
– Experenciar a maior gama possível de gêneros literários;
– Aprofundar o domínio da língua portuguesa para depois transgredi-la;
– Desenvolver técnicas capazes de expressar a escrita criativa enquanto “voz autoral”;
– Instigar a ampliação do arcabouço cultural do aprendiz para correlacioná-lo a aspectos interdisciplinares e intertextuais existentes no universo da escrita: cinema, artes plásticas, teatro, dança, por exemplo;
– Discutir o papel imposto e pretendido por autores da América Latina: periferia e centro da produção escrita.

Ementa:
Leitura de textos literários de gêneros variados. Análise e interpretação dos textos. Características principais de cada gênero. Atividades de escrita criativa. Produção escrita de textos a partir das leituras realizadas.

Programa:
–  O processo criativo na teoria e na prática;
–  Narração, descrição e texto poético;
–  A poesia, o conto e a crônica: características estruturais;
–  Narrador e eu-lírico;
–  Personagens e suas descrições;
–  Cenário: o espaço da narrativa;
–  O tempo na narração;
–  O romance;
–  Leitura e escrita de textos diversos

Horário: Das 14h às 16h (sábados)

Investimento: 4 x de R$ 150,00

Número de alunos por turma: De 10 a 15 alunos 

Orientador:
Roberto Medina
é escritor gaúcho, tradutor e professor de literatura. Lecionou, no Rio Grande do Sul e no Paraná, Retórica e Oratória no SENAC. É editor e consultor de textos para editoras e autores independentes e ministra oficinas, cursos e palestras sobre temas literários e culturais em universidades e outras instituições no Rio Grande do Sul e no Paraná. Tem contos publicados nas antologias brevíssimos101 que contam (org. de Charles Kiefer), e em revistas eletrônicas. É autor do premiado pedrarias, publicado pela Redes Editora. Também escreveu os textos dramáticos Você precisa saber (Cia. Amadeus), Silêncio (Teatro da Adega, SP),  Até que(monólogo para Cláudia Ribeiro) e Fernando em Pessoa (Cia G3).

.

.

Curso/oficina de prosa Primeiro Percurso – segunda etapa,
Com Ronald Augusto

De 03 de outubro a 03 de dezembro de 2011
Segundas-feiras, das 19 às 21h

Espaço de criação, interlocução e troca de experiências entre escritores iniciantes e/ou em formação, sob a mediação e orientação do poeta, escritor e crítico Ronald Augusto, para a construção compartilhada de textos em prosa.

Para quê: Buscar crescimento coletivo como prosadores, através de leitura, análise, debate, exercício e produção de textos. 

Como: Um pequeno grupo (entre 05 e no máximo 10 pessoas) conversa, troca informações, análises, descobertas, preferências; cada participante lê seus textos, sugere e ouve, acata, refuta, busca alternativas; faz exercícios propostos pelo orientador e cria outros; reflete sobre sua própria criação e a dos colegas; cria contos e/ou textos em prosa de estrutura mais aberta, a partir de temas dados e formas de linguagem.

Quando:
Às segundas-feiras – das 19:00 às 21:00 horas

Durante 12 encontrosinício 03 de outubro de 2011

Preço e formas de pagamento: R$ 500,00 (quinhentos reais) à vista ou em 2 parcelas de R$ 260,00 (duzentos e sessenta reais); ou ainda em  4 parcelas de R$ 135,00 (cento e trinta cinco reais), sendo a 1ª no ato da inscrição e as demais em cheque.

Orientador:
Ronald Augusto
é um escritor que atua em inúmeras áreas: é poeta, músico (integra a banda os poETs), letrista, ensaísta e possui ainda um trabalho significativo no âmbito da literatura. Suas produções foram publicadas em revistas literárias, bem como em antologias, dentre elas destacamos: A razão da Chama, organizada por Oswaldo de Camargo (1986), a revista americana Callaloo: African Brasilian Literature: a special issue, EUA (1995 e 2007), a revista alemã Dichtungsring Zeitschrift für Literatur, e outras. As principais temáticas presentes no repertório intelectual de Ronald Augusto referem-se à poesia contemporânea e à literatura negra no Brasil. Entre essas publicações um estudo referente à obra de Cruz e Sousa mereceu destaque e por este trabalho o escritor recebeu a Medalha de Mérito conferida pela Comissão Estadual para Celebração do Centenário de Morte de Cruz e Sousa. Atualmente Ronald Augusto realiza palestras e oficinas/cursos abordando assuntos como música, poesia contemporânea e visual. Em 2007 criou ao lado do poeta Ronaldo Machado a Editora Éblis, voltada para a poesia. Diretor associado do website WWW.sibila.com.br. Colaborador do caderno Cultura do Diário Catarinense.  Entre suas principais publicações destacamos Homem ao rubro, de 1983, Puya, com a primeira edição em 1987; e ainda um dos seus mais recentes trabalhos, que recebeu o nome de Confissões Aplicadas, publicado em 2004. Recentemente publicou pela editora Éblis o livro de poemas No assoalho Duro (2007).

.

.

Curso de Inverno na Palavraria
Ampliando o repertório: diálogos sobre poetas e poéticas
Com Ronald Augusto

De 05 de julho a 09 de agosto de 2011
Às segundas-feiras, das 19 às 21h

Custo R$ 300,00 à vista ou R$ 350,00 em 2X (dois cheques de R$ 175,00)

Um diálogo dinâmico sobre alguns poetas fundamentais da tradição poética inventiva brasileira, seja em termos de modernismo, seja em termos de contemporaneidade. Através da apresentação e análise de obras chaves de determinados poetas, os participantes do curso se familiarizarão com as questões essenciais da função poética da linguagem e desse modo ampliarão sua capacidade de leitura e criação de poemas.

Cada encontro será dedicado a um poeta, na seguinte ordem: Manuel Bandeira, Carlos Drummond de Andrade, João Cabral de Melo Neto, Ferreira Gullar e, nos dois últimos encontros, será apresentado um panorama seletivo-crítico de autores de agora-agora.

Em paralelo os participantes exercitarão a escritura de poemas que serão comentados e debatidos em grupo. O curso, portanto, também se voltará para o aspecto da criação verbal de cada interessado.

Em seus objetivos gerais a oficina pretende:
Reforçar o valor da literatura como forma de ampliar a subjetividade do indivíduo
Divulgar e, na medida do possível, ampliar a riqueza da produção poética brasileira.
Estimular a produção de poemas no sentido de acréscimo criativo (qualitativo) à nossa tradição literária.

E em seus objetivos específicos:
Identificar e explorar no interior do texto a função poética da linguagem, de modo a potencializar os elementos já iniciados ou prefigurados racional ou intuitivamente nos escritos dos candidatos.
Ler, em cada poema apresentado, o que está de fato escrito/inscrito desde um ponto de vista de forma-e-fundo, e não aquilo que gostaríamos que estivesse escrito.
Trabalhar elementos/insumos essenciais como sonoridade, rima, ritmo, imagem, e outras figuras de linguagem.
Perceber que forma e conteúdo são inseparáveis.
Tomar consciência de que a poesia não é uma janela para o real. A arte da poesia propõe quando muito um sentido provável para o real.

Orientador:
Ronald Augusto
é um escritor que atua em inúmeras áreas: é poeta, músico (integra a banda os poETs), letrista, ensaísta e possui ainda um trabalho significativo no âmbito da literatura. Suas produções foram publicadas em revistas literárias, bem como em antologias, dentre elas destacamos: A razão da Chama, organizada por Oswaldo de Camargo (1986), a revista americana Callaloo: African Brasilian Literature: a special issue, EUA (1995 e 2007), a revista alemã Dichtungsring Zeitschrift für Literatur, e outras. As principais temáticas presentes no repertório intelectual de Ronald Augusto referem-se à poesia contemporânea e à literatura negra no Brasil. Entre essas publicações um estudo referente à obra de Cruz e Sousa mereceu destaque e por este trabalho o escritor recebeu a Medalha de Mérito conferida pela Comissão Estadual para Celebração do Centenário de Morte de Cruz e Sousa. Atualmente Ronald Augusto realiza palestras e oficinas/cursos abordando assuntos como música, poesia contemporânea e visual. Em 2007 criou ao lado do poeta Ronaldo Machado a Editora Éblis, voltada para a poesia. Diretor associado do website WWW.sibila.com.br. Colaborador do caderno Cultura do Diário Catarinense.  Entre suas principais publicações destacamos Homem ao rubro, de 1983, Puya, com a primeira edição em 1987; e ainda um dos seus mais recentes trabalhos, que recebeu o nome de Confissões Aplicadas, publicado em 2004. Recentemente publicou pela editora Éblis o livro de poemas No assoalho Duro (2007).

.

.

Marinheiros de Primeira Viagem – Oficina de iniciação à escrita criativa para jovens escritores (I),
com Roberto Medina

de 19 de março a 09 de julho de 2011,
aos sábados, das 15 às 17h

Destinatários: Alunos e alunas adolescentes interessados em estimular sua criatividade através da leitura e da escrita

Investimento: R$ 200,00 mensais;

- turma de 10 a 15 alunos.

Como esclarece sobre o papel definidor em oficinas e cursos de escrita literária, o escritor Charles Kiefer afirma ser a leitura melhorada que influenciará numa produção literária de vigor. No mesmo sentido, “o curso é um exercício de leitura, dá caminhos”, endossa o escritor Evandro Affonso Ferreira. “A formação do escritor inclui ler muito, conhecer a crítica e, podendo, fazer um curso de escrita”, diz Luis Antônio Assis Brasil.

Ementa:
– Leitura de textos literários de gêneros variados; – Análise e interpretação dos textos; – Características principais de cada gênero; – Atividades de escrita criativa; – Produção escrita de textos a partir das leituras realizadas.

Programa:
–  O processo criativo na teoria e na prática; –  Narração, descrição e texto poético; –  A poesia, o conto e a crônica: características estruturais; –  Narrador e eu-lírico; –  Personagens e suas descrições; –  Cenário: o espaço da narrativa; –  O tempo na narração; –  O romance; –  Leitura e escrita de textos diversos;

Orientador:
O professor e escritor gaúcho Roberto Medina leciona português, inglês e francês em escolas, cursos preparatórios para concursos nacionais e internacionais (ITAIPU BINACIONAL, CEF, POLICIA CIVIL, UNILA, PRF, TRT, TRE, MPU, INSS, entre outros.) do RS  e Paraná, onde atualmente ensina Retórica e Oratória no SENAC/PR. Foi professor de projetos literários na UDC –Faculdade Dinâmica Cataratas –, em Foz do Iguaçu. É editor e consultor de textos para editoras e autores independentes e ministra oficinas, cursos e palestras sobre temas literários e culturais em universidades e outras instituições no Rio Grande e no Paraná. Tem contos publicados na antologia 101 que contam e Brevíssimos (org. de Charles Kiefer), em revistas eletrônicas e em breve Tempos crônicos e Pedrarias. É autor dos textos dramáticos Você precisa saber (peça teatral escrita para a Cia. Amadeus), Silêncio (peça teatral para o Teatro da Adega, SP), Até que (monólogo para a atriz Cláudia Ribeiro) e  Fernando Palavra (para a Cia G3). É professor-convidado do curso Mérito Estudos (www.meritoestudos.com.br) e Bilbao Idiomas (www.bilbaoidiomas.com.br).

.

.

Curso/Oficina de criação poética A precisão do impreciso,
Com
Ronald Augusto

Terças-feiras, das 16h às 18h
de 15 de março a 05 de julho de 2011

Ronald Augusto dá continuidade à oficina de poesia que vem ministrando há cerca de 5 anos e que renderam nas sucessivas edições grandes diálogos e poemas surpreendentes a partir dos exercícios propostos.  A dinâmica da oficina permanece a mesma, ou seja, ao longo de 12 encontros (um por semana – 3 meses no total), os participantes trocam impressões exercitando a produção poética, a leitura crítica e a fruição estética, num bem-sucedido corpo-a-corpo dialógico acerca da produção individual e das soluções de linguagem dos seus pares. Na análise dos experimentos dos participantes da oficina, Ronald Augusto aplicará conceitos como: função poética da linguagem, hermenêutica, relação da poesia com as outras artes, versificação tradicional e livre, etc. Em outras palavras, no exercício mesmo da leitura de prazer e da prática textual, os alunos se familiarizarão com noções fundamentais da arte da poesia.

 

Em seus objetivos gerais a oficina pretende:
Reforçar o valor da literatura como forma de ampliar a subjetividade do indivíduo — objetivo por si só pertinente, haja vista o panorama sóciocultural cada vez menos voltado ao pensamento.
Divulgar a riqueza da produção literária brasileira.
Estimular a produção de textos e poemas no sentido de acréscimo criativo (qualitativo) à nossa tradição literária.

E em seus objetivos específicos:
Identificar no interior do poema (ou do texto) os elementos da função poética da linguagem.
Ler, na obra literária, o que está de fato escrito desde um ponto de vista de forma-e-fundo, e não aquilo que gostaríamos que estivesse escrito.
Trabalhar elementos como sonoridade, rima, ritmo, imagem, e outras figuras de linguagem.
Perceber que forma e conteúdo são inseparáveis.
Tomar consciência de que literatura não é uma janela para o real. A literatura, e a poesia mais ainda, propõem quando muito um sentido provável para o real.

Preço e formas de pagamento: R$ 500,00 (quinhentos reais) à vista ou em 2 parcelas de R$ 260,00 (duzentos e sessenta reais); ou ainda em 4 parcelas de R$ 135,00 (cento e trinta cinco reais), sendo a 1ª, no ato da inscrição e as demais em cheque.

Orientador:
Ronald Augusto
é um escritor que atua em inúmeras áreas: é poeta, músico (integra a banda os poETs), letrista, ensaísta e possui ainda um trabalho significativo no âmbito da literatura. Suas produções foram publicadas em revistas literárias, bem como em antologias, dentre elas destacamos: A razão da Chama, organizada por Oswaldo de Camargo (1986), a revista americana Callaloo: African Brasilian Literature: a special issue, EUA (1995 e 2007), a revista alemã Dichtungsring Zeitschrift für Literatur, e outras. As principais temáticas presentes no repertório intelectual de Ronald Augusto referem-se à poesia contemporânea e à literatura negra no Brasil. Entre essas publicações um estudo referente à obra de Cruz e Sousa mereceu destaque e por este trabalho o escritor recebeu a Medalha de Mérito conferida pela Comissão Estadual para Celebração do Centenário de Morte de Cruz e Sousa. Atualmente Ronald Augusto realiza palestras e oficinas/cursos abordando assuntos como música, poesia contemporânea e visual. Em 2007 criou ao lado do poeta Ronaldo Machado a Editora Éblis, voltada para a poesia. Diretor associado do website WWW.sibila.com.br. Colaborador do caderno Cultura do Diário Catarinense.  Entre suas principais publicações destacamos Homem ao rubro, de 1983, Puya, com a primeira edição em 1987; e ainda um dos seus mais recentes trabalhos, que recebeu o nome de Confissões Aplicadas, publicado em 2004. Recentemente publicou pela editora Éblis o livro de poemas No assoalho Duro (2007).

Veja mais de Ronald Augusto em:
www.poesiacoisanenhuma.blogspot.com
www.poesia-pau.blogspot.com
www.ospoets.com.br
www.editoraeblis.blogspot.com
www.sibila.com.br

http://poesia-pau.blogspot.com


0 Responses to “Oficinas e Cursos 2011”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




outubro 2014
S T Q Q S S D
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Categorias

Blog Stats

  • 436,432 hits

Comunidade

Follow Palavraria – Livros & Cafés on WordPress.com

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.407 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: