Arquivo para 29 de setembro de 2011

29
set
11

Vai rolar na Palavraria, nesta sexta, 30/09, 19h: Lançamento do livro Poemas de aprendiz, de Cleci Silveira

.

.

30, sexta, 19h: Lançamento do livro Poemas de aprendiz, de Cleci Silveira (Editora Movimento).

Em Poemas de aprendiz  Cleci Silveira descobre o saudoso e o corrosivo desse ofício do verso: a varanda ensolarada e o cheiro de mofo; o prosaico namoro no portão e a luz mediterrânea.

Compõe poemas feitos à semelhança do desejo do leitor sensível e ao mesmo tempo afeitos à tradição, e que recriam o visível e o imaginado. Além do mais, os versos de Cleci, graças à sua porção prosadora, são sempre graciosamente narrativos, não distinguem entre contar e cantar, e seguem vizinhos aos versos do português Jorge Sena:”na mínima coisa que sou, pôde a poesia ser hábito..

.

Cleci Silveira nasceu em Porto Alegre. Trabalhou no Serviço de Radiodifusão Educativa na Rádio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. De 1988 á 1990, manteve uma coluna no jornal O Moinho, sobre mobiliário antigo. Publicou duas coletâneas de Contos: No Sótão Dormem Bonecas (2001) e A Trama do Silêncio (2004), que lhe valeu a indicação como finalista ao Prêmio Jabuti. Em 2006, publicou a coletânea de crônicas O Tocador de Saz e o Sultão. Lançou, em 2008, Além da Porta, seu primeiro romance., e o romance Diário de mulher solteira, em 2010. Possui também trabalhos publicados nas antologias: Contos de Oficina 13 (1994), Oficina de Criação Literária do Curso de Pós-Graduação em Letras da PUCRS, coordenada pelo professor Luiz Antonio de Assis Brasil; Contos do Novo Milênio (2006) do Instituto Estadual do Livro do Rio Grande do Sul e Contos de Bolsa e Contos de Algibeira, as duas últimas editadas pela Casa Verde, com organização de Laís Chaffe.

.

Anúncios
29
set
11

Vai rolar na Palavraria, nesta sexta, 30/09, 15h: Lançamento do livro PT: de oposição à sustentação da ordem, de Cyro Garcia

.

.

30, sexta, 15h: Lançamento do livro PT: de oposição à sustentação da ordem, de Cyro Garcia

 “Este livro nos relata uma história política que foi, ao mesmo tempo, emocionante e terrível. E que, para remeter ao vocabulário cunhado pelos clássicos gregos, uniu epopeia, tragédia e até, mais recentemente, um pouco de comédia. O PT foi o maior partido da história da classe trabalhadora brasileira no século XX. Nos anos oitenta, Lula e a direção do PT foram capazes de construir e empolgar um partido que, em dez anos, evoluiu de uma organização de uns poucos milhares, para centenas de milhares, e que saiu dos 10% dos votos em 1982 para governador em São Paulo, para a disputa do segundo turno das eleições presidenciais de 1989, contando apenas com contribuições voluntárias e militância abnegada. O PT de 2011 é, evidentemente, outro partido, embora a direção seja quase toda a mesma. Em três décadas, o PT elegeu muitos milhares de vereadores, algumas centenas de deputados estaduais e federais, chegou ao governo de mais de mil prefeituras, muitos Estados e está pela terceira vez à frente da presidência. O PT é, sem dúvida, a mais profissional máquina eleitoral do Brasil.” Valerio Arcary

Cyro Garcia é membro do PSTU desde a sua fundação, em 1994. Fundou e dirigiu o PT e a CUT na década de 1980, presidiu o Sindicato dos Bancários do Rio e foi deputado federal. Expulso do PT, rompeu com a CUT e hoje é presidente do PSTU-RJ e membro da CSP-Conlutas. Atualmente é suplente na Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro.

 .

.





setembro 2011
S T Q Q S S D
« ago   out »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Categorias

Blog Stats

  • 708.902 hits
Follow Palavraria – Livros & Cafés on WordPress.com
Anúncios

%d blogueiros gostam disto: