Arquivo para 5 de agosto de 2012

05
ago
12

Aconteceu na Palavraria, neste sábado, 4/08, lançamento do livro Tamburilando canções – Violão com voz, de Felipe Azevedo.

.

.

Aconteceu na Palavraria, neste sábado, 4, lançamento do livro Tamburilando canções – Felipe Azevedo – Violão com voz, de Felipe Azevedo. Bate-papo com o escritor Guto Leite & pocket musical com o autor e Ayres Potthoff. Fotos do evento.

.

.

.

.

.

.

.

.

 

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

Anúncios
05
ago
12

Programação de 06 a 11 de agosto de 2012

program sem

.

08, quarta, 19h: Lançamento do livro Deus é ateu, de Neville Lyon. Pocket musical de violão e voz com o autor.

Deus E’ Ateu é um ensaio filosófico/jornalístico. Único livro de “anti-ajuda” com trilha audiovisual incluída.
Neville Lyon é compositor, poeta, escritor, violonista, guitarrista, vocalista, professor de italiano, inglês e português. Nasceu em São Paulo, em 1962. Viveu e atuou em vários países, principalmente na Itália. Reside em Porto Alegre desde 2010.

.

.

09, quinta, 19h: Lançamento do livro Judith Butler e a Teoria Queer, de Sara Salih – Bate-papo com a tradutora, Guacira Lopes Louro. (Editora Autêntica)

Pensadora contemporânea instigante e provocativa, Judith Butler questiona e perturba a forma como pensamos o sexo, a sexualidade, o gênero e a linguagem. Sua obra, para além dos estudos feministas, gays, lésbicos e queer, vem exercendo enorme influência sobre uma série de campos teóricos e disciplinares.

Neste livro, Sara Salih constrói uma espécie de ponto de partida para a leitura de Butler. Sem descaracterizar o tom de abertura e indeterminação que marca o pensamento da teórica, Salih analisa seus trabalhos-chave e os situa em seus contextos teóricos, filosóficos e políticos. Examina, igualmente, o impacto de suas ideias, os debates e as críticas que elas têm suscitado e, por fim, oferece um roteiro sugestivo de leituras complementares. Um livro inestimável para quem busca se aproximar da obra de Judith Butler.

A autora – Sara Salih é professora de inglês na Universidade de Kent, em Canterbury, UK. É organizadora do livro The History of Mary Prince, a West Indian Slave (Penguin, 2000).

 A tradutora – Guacira Lopes Louro é professora titular da UFRGS e estudiosa da teoria queer. Autora de Um corpo estranho (Autêntica) e Gênero, sexualidade e educação (Vozes), entre outros títulos.

.

.

10, sexta, 19h: Lançamento do livro A obra de arte na época de sua reprodutibilidade técnica, de Walter Benjamin (Editora Zouk) – Debate sobre a obra com Renato de Oliveira, Adriana Kurtz e Zita Possamai.

Walter Benjamin revisitado – Walter Benjamin neu Aufgelegt

Inédita no Brasil, a presente tradução – de autoria de Francisco de Ambrosis Pinheiro Machado – corresponde à segunda versão alemã, muito mais elaborada, do ensaio A obra de arte na época de sua reprodutibilidade técnica, na qual Walter Benjamin trabalhou entre dezembro de 1935 e final de janeiro de 1936. Por muito tempo tida por desaparecida, esta versão, que era a preferida de Benjamin, só foi encontrada nos arquivos de Max Horkheimer, em Frankfurt, em meados da década de 1980 e publicada, pela primeira vez, em 1989.

Renato de Oliveira possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1978), especialização em Filosofia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1982) , doutorado em Sociologia pela Ecole des Hautes Etudes en Sciences Sociales (1993) e pos-doutorado pela Universitat Oberta de Catalunya (2006). Atualmente é Professor Adjunto no curso de pós-graduação em Sociologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, colaborador do Centro Universitário Univates, membro de corpo editorial da Revista Universidad y Sociedad del Conocimiento e membro do corpo editorial da revista Estudo & Debate (Lajeado).

Adriana Schryver Kurtz é Jornalista graduada pela PUCRS. É especialista em “Teoria do Jornalismo e Comunicação de Massa” e “Comunicação e Economia Política” pela PUCRS, e Mestre e Doutora em “Comunicação e Informação” pela UFRGS. Possui uma dúzia de textos publicados sobre seus temas de pesquisa, incluindo cinema, jornalismo e Teoria Crítica da Sociedade. Professora da ESPM desde 2000, leciona nos cursos de Graduação em Jornalismo e Publicidade e Propaganda. Pesquisadora, integra o Núcleo de Estudos em Jornalismo (NEJOR) da ESPM -SUL. adrianakurtz@terra.com.br

Zita Possamai é Doutora em História pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2005); membro da Unidade Executora do Projeto Monumenta (2001-2005). Atualmente, é professor adjunto da UFRGS, exercendo suas atividades no Curso de Museologia da Faculdade de Biblioteconomia e Comunicaçao e no Programa de Pós-Graduação em Educação, da Faculdade de Educaçao. Líder no CNPq do Grupo de Estudos em Memória, Patrimônio e Museus (GEMMUS). Vem atuando principalmente nos seguintes temas: memória, história, cidade, patrimônio, museu, educação em museus, cultura visual e fotografia. www.zita-possamai.blogspot.com.br

.

 

.




agosto 2012
S T Q Q S S D
« jul   set »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Categorias

Blog Stats

  • 710.796 hits
Follow Palavraria – Livros & Cafés on WordPress.com
Anúncios

%d blogueiros gostam disto: