Arquivo para 6 de março de 2013

06
mar
13

Aconteceu na Palavraria, nesta quarta, 06/03: Um feminismo pioneiro – bate-papo com Hilda Flores e Rita Schmidt

.

aconteceu

.

06, quarta, 19h: Um feminismo pioneiro: Andradina de Andrade e Oliveira e a luta pelo divórcio no Brasil, bate-papo com Hilda Hübner Flores e Rita Schmidt, com apresentação de Tenisa Spinelli. Fotos do evento.

.

andradina 01.

andradina 02andradina 03andradina 04andradina 05.

.

.

.

.

.

andradina 06andradina 08andradina 09andradina 10.

.

.

.

.

.

 

Palavraria - livros c.

 

Anúncios
06
mar
13

A crônica de Guto Piccinini: Trilogia da violência I

.

.

Trilogia da violência I, por Guto Piccinini

.

6h20. Ele levanta com um característico mau humor matutino. Ela ao seu lado já pouco se importa. Aproveita o momento para divertir-se com o marido introspectivamente (já que de outra forma já não poderíamos chamar de diversão) enquanto o vê tropeçar por entre as corriqueiras e introdutórias atividades cotidianas. Pregado na cama, os segundos após o despertador anunciar a chegada de mais um dia era vivido como o inferno na terra. Sair da cama sempre fora um de seus maiores martírios. A fleuma de homem robusto lhe impedia de produzir um sono tranquilo, e cada noite seguia-se uma batalha diante do silêncio. Com os olhos atentos e despertos da mulher no seu encalço, segue cambaleante até o banheiro para conferir no espelho o que sobrou da saga noturna. Nada inspirador. O banho lhe revigora as esperanças. Um susto. Enquanto isso, a mulher segue à cozinha para arrumar o café. Todo o sacrifício do marido, desde sono agitado e os pesadelos recorrentes, ao despertar peristáltico, logo que o conheceu, e não mais muito tempo após se casarem, conferia aos seus olhos um certo charme ao homem. Destes olhares que produzem um carinho incompreensível e sustentado apenas pela jovial novidade dos casais recém encontrados.

6h42. Sentam-se à mesa. O clima já é outro, passando de uma cena tragicômica para um démodé regado a café sem açúcar. O casal se esforça para encarar a sanidade cotidiana. “Me passa o pão”. Alguns sorrisos, uma leitura detalhada do jornal disposto à mesa e, no auge da felicidade conjugal, demonstrações de carinho de leve a moderado. Ele nunca fora dado a demonstrações explícitas de afeto. Ela sabe. “Tem mel ainda?”. O que vem é lucro. Digna de seu respeito, tratava-a bem comparado à média de sua época. Essa, como se sabe, não permitia ainda qualquer elaboração mais complexa sobre os possíveis papéis do homem e da mulher na vida à dois. “Já acabou o café?”. Longe de ser a vida dos sonhos, mas longe de ser uma vida infeliz.

7h23. Ele percebe o atraso, e se encaminha para o trabalho rapidamente. Decide pegar um táxi. Hoje é dia de plantão, e isso aguça sua indisposição com a luz do dia, que agora lhe penetra os olhos desprotegidos. Esquece dos óculos escuros. “Bom dia seu Carlos!”. O trabalho lhe diverte, pensa. Dentro do carro que titubeia por entre um trânsito agitado, ele sente o cheiro forte de lavanda que carrega o ar. O motorista, exageradamente simpático, tenta iniciar uma conversa qualquer por ele desprezada. Desde o momento em que botara os pés na rua já sentia a transformação no corpo. O peito inflado, tons de leve ironia e arrogância a lhe penetrar pelos ombros, os braços e as pernas eufóricos e seguros. A mão, que antes tremia, agora permanece impávida. Desce duas quadras antes do serviço e segue a pé. Para em frente a casa amarela, olha duas a três vezes para os lados para que ninguém o veja. Entra. Desce dois lances de escada. A luz mal ilumina o local. Três cômodos apertados. Entra por uma das portas, e encontra três companheiros que vararam a noite. Estão cansados e não se animam com sua chegada. Ele entra, olha para o corpo amarrado a sua frente. Goza com este tempo da iminência. Sorri e desfere o primeiro tapa.

.

Guto Piccinini, psicólogo, mestre em psicologia social e frequentador da Palavraria. Atualmente experimentando palavras.

.

.




março 2013
S T Q Q S S D
« fev   abr »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Categorias

Blog Stats

  • 710.597 hits
Follow Palavraria – Livros & Cafés on WordPress.com
Anúncios

%d blogueiros gostam disto: