20
jul
13

A crônica de Emir Ross: Nuvens, A gata, Desculpa e Obrigado

.

.

Nuvens, A gata, Desculpa e Obrigado, por Emir Ross

.

Nuvens

Você me disse que a nuvem grande era eu e que a pequena era você.

E que, naquela tarde, se fizéssemos tudo que as nuvens fariam, seríamos felizes para sempre.

Quando as nuvens se tocaram, eu senti que o que você dizia podia ser verdade.

E quando a nuvem grande fechou os olhos, percebi que o céu era o limite para nossa felicidade.

Acho que você estava certa quanto às nuvens. O que faltou foi me dizer o que aconteceria depois que o vento soprasse forte e levasse as nuvens para onde nossos olhos não podem ver.

– * –

A gata

A gata deveria ser adotada.
Mas como? Uma gata adulta. A gata tinha listras. E não tinha bebês.
No escuro, eram dois faróis. Na claridade, uma gata.
Joguei-a janela afora. E, lá embaixo, ela caiu de pé. Era tão alta minha janela que seus quatro pés cravaram-se no solo.

Meu quintal ganhou uma gata de jardim e, meu gnomo, uma namorada. Mas só de dia; de noite, eram dois faróis luminosos que ninguém queria adotar.

– * –

Desculpa e obrigado

Ontem à noite você me trouxe as palavras desculpa e obrigado.

Depois foi embora.

Quando vovô chegou perguntando quem tinha feito aquela bagunça toda, eu disse:

Desculpa.

Fiquei até a hora do almoço trancado aqui. E, enquanto ninguém aparecia, eu entendi que aquela palavra significava ficar sozinho.

Então, quando mamãe apareceu e abriu a porta, agarrei sua saia e disse:

Obrigado.

Ela me pegou no colo, me deu um beijo e depois me serviu uma coxinha.

Por isso, hoje quando você entrar de novo por aquela janela me trazendo uma estrela, já sei a palavra que devo dizer.

.

Emir Ross é publicitário e escritor e mora em Porto Alegre. Tem participação em 9 antologias de contos e recebeu mais de 20 prêmios literários. Entre eles, o Felippe d’Oliveira em Santa Maria (3 vezes), o Escriba de Piracicaba (2 vezes), o Luiz Vilela de Minas Gerais (2 vezes), o José Cândido de Carvalho do Rio de Janeiro (2 vezes), o Prêmio Araçatuba, entre outros. Escreve no blog milkyway.

.

Emir Ross publica quinzenalmente neste blog.

.

.

Anúncios

0 Responses to “A crônica de Emir Ross: Nuvens, A gata, Desculpa e Obrigado”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


julho 2013
S T Q Q S S D
« jun   ago »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

Categorias

Blog Stats

  • 614,973 hits
Follow Palavraria – Livros & Cafés on WordPress.com

%d blogueiros gostam disto: