Author Archive for Luiz Heron da Silva

21
Jan
16

Aconteceu na Palavraria, nesta quinta, 14, Lançamento do livro Ares-Condicionados, de Demétrio Panarotto. Performance com a participação de Luciano Zanatta.

.

aconteceu

.

14, quinta, 19h, Lançamento do livro Ares-Condicionados, de Demétrio Panarotto. Performance com a participação de Luciano Zanatta.

.

demétrio panarotto 01.

demétrio panarotto 02demétrio panarotto 03 demétrio panarotto 04 demétrio panarotto 05.

.

.

.

.

.

demétrio panarotto 06demétrio panarotto 07 demétrio panarotto 08.

.

.

.

.

.

.

Palavraria - livros c.

 

14
Jan
16

Vai rolar na Palavraria, nesta quinta, 14, Lançamento do livro Ares-Condicionados, de Demétrio Panarotto. Performance com a participação de Luciano Zanatta.

ESTA SEMANA NA PALAVRARIA b

.

14, quinta, 19h: Lançamento do livro Ares-Condicionados, de Demétrio Panarotto. Performance com a participação de Luciano Zanatta.

ARES CONDICIONADOS

 

.

 

.

Palavraria - livros a.

 

08
Jan
16

Vem aí, a partir de 19 de janeiro de 2016: Quem Está Falando? Laboratório intensivo de exercícios, leitura e discussão para criar narradores – Curso com Reginaldo Pujol Filho

.

cursos de verão 2016

.

Quem Está Falando?
Laboratório intensivo de exercícios, leitura e discussão para criar narradores

Curso com Reginaldo Pujol Filho

curso reginaldo janeiro

 

Depois de Curitiba e Rio de Janeiro, vai rolar de novo em  Porto Alegre, dias 19, 20, 26 e 27 de janeiro de 2016, uma nova edição do Quem está falando? Um laboratório intensivo de exercícios, leitura e discussão para criar narradores com personalidade para seus textos. Quer saber como funciona isso? Te explico aqui embaixo.

O que é esse negócio de criar narrador com personalidade?

Tenho uma notícia: não é você quem conta as suas histórias. É o seu narrador, ou melhor, os seus narradores. Cada conto, novela ou romance que você escreve pode ter um narrador específico, com personalidade própria, com ideias, limitações e peculiaridades. E isso pode enriquecer suas narrativas, criando estranhamento e linguagem para o que você escreve.

Tá, mas e como é que funciona isso?

É simples: serão 4 encontros (cada um é um módulo) cheios de leituras, exercícios e discussão da produção da turma. Tudo para testar, brincar e aprofundar o trabalho de criação de vozes e olhares para quem conta a sua história, se apoiando na turma dessa foto aqui:

Posso saber mais desses módulos?

Pode sim:

1º MÓDULO: PRAZER, EU SOU O NARRADOR >> Leituras, discussões e alguns exercícios para termos uma noção comum sobre quem é essa figura: o narrador.

2º MÓDULO: AH, SÃO SÓ OS SEUS OLHOS >> Onde é que o narrador se meteu para contar essa história? Será que ele viu mesmo? Ou ouviu falar? Narrar também pode ser uma questão de ponto de vista.

3º MÓDULO: VOCÊ SABE COM QUEM ESTÁ FALANDO? >> Sem essa de público alvo. Mas já parou pra pensar que seu narrador pode ter um interlocutor? Então vamos parar pra pensar nisso.

4º MÓDULO: EU ESCUTO VOZES NA MINHA CABEÇA >> Ei, você também escuta muitas vozes. E pode criar outras. E roubar. E tudo isso pode transformar completamente uma história.

E quanto é, quantas vagas, como é a inscrição?

O curso custa R$ 280,00 e tem 12 vagas.

Pra fazer sua inscrição, é bem simples: é só passar na Palavraria (onde o curso vai rolar) e acertar a tua participação. O pagamento pode ser feito em duas vezes no cartão. Pode pedir mais informações ligando para a Palavraria no 51 32684260.

Reginaldo Pujol Filho, escritor portoalegrense, é autor dos livros de contos Azar do Personagem (2007) e Quero ser Reginaldo Pujol Filho (2010), ambos pela Não Editora e do romance Só faltou o título (2015), pela Editora Record. Atualmente cursa o doutorado em Escrita Criativa na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

 

.

 

.

Palavraria - livros a

.

22
Dez
15

Vem aí, dias 6 e 13 de janeiro de 2016: Minioficina de crônica, com Pedro Gonzaga

.

cursos de verão 2016

.

minioficina pedro janeiro

.

 

 

.

Palavraria - livros a

.

22
Dez
15

Vai rolar na Palavraria, nesta terça, 22, Lançamento da revista Teorema 26

ESTA SEMANA NA PALAVRARIA b

.

.

22, terça, 19h: Lançamento da revista Teorema 26.

teorema

 

Em agosto de 2002, lançávamos a primeira edição da “Teorema”. Na época, imaginava que se a gente conseguisse chegar até o número 6, estaríamos no lucro.
Pois não é que aquela ideia maluca de editar uma revista impressa de crítica de cinema – com textos mais longos, em P&B e sem qualquer patrocínio – acabou vingando?
Então, de repente se passaram 13 anos e já estamos chegando ao número 26!
Quem estiver em Porto Alegre amanhã, pode passar na Palavraria para pegar seu exemplar e comemorar conosco o final deste ano que não foi bolinho.

.

Palavraria - livros a.

 

22
Dez
15

Vai rolar na Palavraria, nesta terça, 8, Lançamento do livro O cargueiro sentimental, de Cesare Battisti.

ESTA SEMANA NA PALAVRARIA b

.

22, terça, 19h: Lançamento da revista Teorema 26.

teorema

Em agosto de 2002, lançávamos a primeira edição da “Teorema”. Na época, imaginava que se a gente conseguisse chegar até o número 6, estaríamos no lucro.
Pois não é que aquela ideia maluca de editar uma revista impressa de crítica de cinema – com textos mais longos, em P&B e sem qualquer patrocínio – acabou vingando?
Então, de repente se passaram 13 anos e já estamos chegando ao número 26!
Quem estiver em Porto Alegre amanhã, pode passar na Palavraria para pegar seu exemplar e comemorar conosco o final deste ano que não foi bolinho.

.

.

Palavraria - livros a.

 

19
Dez
15

Vem aí, a partir de 4 de janeiro de 2016: Invenção verbal: percursos poéticos, oficina de poesia com Ronald Augusto

.

cursos de verão 2016

.

oficina ronald janeiro

.

Invenção verbal: percursos poéticos

Duração de 04 encontros-aulas: dois encontros por semana, nos dias 04, 05, 11, e 12 de janeiro de 2016. Custo R$ 200,00 à vista ou R$ 220,00 em 2X (dois cheques de R$ 110,00).

Horário: das 19h às 21h.

Criação e comparação. O conhecimento do passado retomado no aqui-agora. A proposta da oficina é provocar a ultrapassagem das convenções dos limites entre os gêneros literários através de exercícios e do contato corpo a corpo com as formas textuais. Em outras palavras, não obstante algumas diferenças, o poeta e o prosador, antes de mais nada, são fazedores de linguagem (ficções) interessados em criar novos modelos de sensibilidade. Se a poesia se revela perturbadora das normas discursivas, a prosa, por sua vez, pode ser não realista e cair em uma espécie de tormenta ou de embriaguez. Todavia, em que pese o risco dessas aventuras poéticas, nenhuma delas deixa de ser significante.

Em seus objetivos gerais a oficina pretende:

Reforçar o valor da literatura como forma de ampliar a subjetividade do indivíduo — objetivo por si só pertinente, haja vista o panorama sociocultural cada vez menos voltado ao pensamento e à interpretação.

Divulgar e, na medida do possível, ampliar a riqueza da produção literária brasileira e mundial.

Estimular a produção de textos inventivos no sentido de acréscimo criativo (qualitativo) à nossa tradição literária.

E em seus objetivos específicos:

Identificar e explorar no interior do texto a função estética da linguagem, de modo a potencializar os elementos já iniciados ou prefigurados racional ou intuitivamente nos escritos dos candidatos.

Ler, em cada texto realizado, o que está de fato escrito/inscrito desde um ponto de vista de forma-e-fundo, e não aquilo que gostaríamos que estivesse escrito.

Trabalhar elementos/insumos essenciais como sonoridade, rima, ritmo, imagem, e outras figuras de linguagem.

Perceber que forma e conteúdo são inseparáveis.

Tomar consciência de que a arte verbal não é uma janela para o real. A arte da poesia propõe quando muito um sentido provável para o real.

Ronald Augusto é um escritor que atua em inúmeras áreas: é poeta, músico (integra a banda os poETs), letrista (parcerias com Marcelo Delacroix), ensaísta e possui ainda um trabalho significativo no âmbito da literatura. Como poeta tem publicações no cenário nacional e internacional. Suas produções foram publicadas em revistas literárias, bem como em antologias, dentre elas destacamos: A razão da Chama, organizada por Oswaldo de Camargo (1986), a revista americana Callaloo: African Brasilian Literature: a special issue, EUA (1995 e 2007), a revista alemã Dichtungsring Zeitschrift für Literatur, e outras.

As principais temáticas presentes no repertório intelectual de Ronald Augusto referem-se à poesia contemporânea e à literatura negra no Brasil. Entre essas publicações um estudo referente à obra de Cruz e Sousa mereceu destaque e por este trabalho o escritor recebeu a Medalha de Mérito conferida pela Comissão Estadual para Celebração do Centenário de Morte de Cruz e Sousa. Além dessa premiação, o poeta recebeu ainda o Troféu Vasco Prado conferido pela 9ª Jornada Nacional de Literatura de Passo Fundo, em agosto de 2001 e o Prêmio Apesul Revelação Literária em 1979.

Atualmente Ronald Augusto realiza palestras e oficinas/cursos abordando assuntos como música, poesia contemporânea e visual. Em 2007 criou ao lado do poeta Ronaldo Machado a Editora Éblis, voltada para a poesia. Trabalhou como diretor associado do website WWW.sibila.com.br.  Colaborador do caderno Cultura do Diário Catarinense.

Entre suas principais publicações destacamos Homem ao rubro, de 1983, Puya, com a primeira edição em 1987; e ainda um dos seus mais recentes trabalhos, que recebeu o nome de Confissões Aplicadas, publicado em 2004. Publicou ainda os livros No assoalho Duro (2007), Cair de Costas (2012) e Decupagens Assim (2012).

 

.

Palavraria - livros a

.




fevereiro 2016
S T Q Q S S D
« Jan    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
29  

Categorias

Blog Stats

  • 541,326 hits

Comunidade

Follow Palavraria – Livros & Cafés on WordPress.com

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 6.347 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: