Posts Tagged ‘música

29
maio
16

Vai rolar na Palavraria, neste sábado, 4, Lançamento do livro Nas velas do violão – Crônicas, letras e partituras, de Raul Ellwanger. Apresentação de Nelson Coelho de Castro, cantorias e autógrafos.

.

ESTA SEMANA NA PALAVRARIA b

.

4, sábado, 17h: Lançamento do livro Nas velas do violão – Crônicas, letras e partituras, de Raul Ellwanger. Apresentação de Nelson Coelho de Castro, cantorias e autógrafos. 

Flyer Raul

Nas Velas do Violão reuni o desejo de escrever algumas memórias, a partir de pressões que me fazem muitos amigos, e transmitir um pouco do que aprendi sobre o ofício de criar canções. Sendo um amante da musica e dos relatos meditados de vivências pessoais, tentei encaixar as duas facetas. Criador de pequenas peças (as famosas doze músicas de três minutos de um antigo disco de vinil), encontrei um formato também de pequeno fôlego, próximo da crônica, para expor ideias, lembranças, anedotas e dicas técnicas sobre 71 canções. Por isto, cada texto tem sua letra e sua partitura.

Recorrendo um bom pedaço de tempo e de vida0, incluí canções compostas desde 1967. Para abordar cada uma, me deixei levar pelo mais espontâneo que me sugeria ao ouvi-la, crendo que assim poderia transmitir o aspecto mais vital, aquele que mais me toca de cada tema. Assim, muitos detalhes e facetas que cercam cada canção e sua época, seu feitio e seu destino, deixam de ser referidos, para privilegiar o mais essencial. Pude assim oscilar entre o comentário severo sobre alguma passagem da técnica contrapontística e uma situação divertida entre músicos, pude passear com meu cão entre bromélias, pássaros e bovinos, pude tomar um chope no bairro boêmio, pude contar a angústia do exílio, pude reverenciar os parceiros que me somaram às suas artes, pude tentar compreender certas letras que não entendia, pude falar de amigas, amigos e mestr@s  que são parte da pessoa que chego a ser hoje.

Nas Velas do Violão velejam comigo parentes, ídolos, colegas, bairros, cidades, países, exílios, amores, estéticas, mancadas, éticas, sabores, alcoois, perfumes, piadas, filosofadas, bobices e seriedades. Vinicius de Morais, Mutinho, Pery Souza, Paulinho do Pinho, Tenorio Jr., Elis Regina, Jeronimo Jardim, Flora Almeida, Alfredo Zitarrosa, Toinho do Quinteto Violado, Alicia Sherman, Macunaima, Eugenia Perpetua da Rosa, Vicente Barreto, León Gieco, Mercedes Sosa, Tarrago Ros, Vicente Feliú, Toti Soler, Santiago Ellwanger, Pancho Giacobbe,  passeiam sua amizade elegante e  suas canções pelos becos, palcos e botecos de Montevidéu, Porto Alegre, Barcelona, São Leopoldo, Osório, Praia do Rosa, La Habana, Santiago do Chile, São Francisco de Assis, Palermo Viejo, Santa Tereza, Lapa, Sumaré, Auxiliadora, Bonfim, ao ritmo  de candombes e afoxés, milongas e chacareras, sambas e valsas, zambas e tangos, discutindo a harmonia, a vida, a rima, o contraponto, os pescados, a décima, o sotaque, o futebol, os amores e desamores,  a metáfora, a anacrusa, o perfume da amada, o soneto, a  sob as bandeiras americanas de Garibaldi, Getulio Vargas, Bolivar, Artigas, Allende e Marti. Um caleidoscópio, um turbilhão, uma eterna chegada:  uma boa “sopa marinera”, da beira furtiva do cais.

Por detrás e por dentro das letras, partituras e textos deste livro está o sonho de fazer música popular bonita e comprometida, numa época e num continente estremecidos. Na voz que nasce do hálito do próprio peito, está a vida vivida, o breve tempo de urgências pessoais, a vicissitude do músico de província, o suave perfume do amor familiar e da amizade, o malabarismo de escapar às tiranias, o doce e agreste sendeiro do cantautor destes tempos e destas terras.

Raul Ellwanger

.

Palavraria - livros a.

.

12
jun
15

Vai rolar na Palavraria, neste sábado, 13, Lusque-fusque – Pocket musical-literário com Isabel Nogueira e Luciano Zanatta e a participação de Carlos Ferreira, Isadora Nocchi Martins e Nikkolas Gomes

ESTA SEMANA NA PALAVRARIA b

.

13, sábado, 18h: Lusque-fusque: Isabel Nogueira e Luciano Zanatta. Pocket musical-literário com Carlos Ferreira, Isadora Nocchi Martins e Nikkolas Gomes

lusque fusque - ilustração foto Jose Ramon

Estreia de um trabalho de criação de canções de Isabel Nogueira e Luciano Zanatta a partir da ideia de linhas de fuga e da música exploratória, com o diálogo entre sons gravados, processados e tocados, textos e ruídos, silêncio e espaço.

Voz expandida, distorções de afinação, processamento digital, recortes de gravação, tensões temporais com deslocamentos métricos e ambiguidades rítmicas sobre batida.

Intercala performance ao vivo com recortes de gravação e sons obtidos da manipulação de objetos do cotidiano.

O processo de criação das canções foi configurado a partir de materiais pré-compostos, sequências programadas (batidas, loops, linhas de baixo, fragmentos de melodia e texto) ou patches modulares virtuais (geradores randômicos, sequenciadores, sintetizadores, etc). Trata-se de compor e recompor canções, incorporando como texto-significado relações amplas com estruturas sonoras, onde incluem-se os “conflitos programados” em harmonia, contrapontos, timbres e tempos.

O trabalho está inserido nas atividades do Grupo de Pesquisa em Criação Sonora do Instituto de Artes da UFRGS, espaço de investigação focado na pesquisa artística, abrangendo uma variedade ampla de poéticas do sonoro. O projeto central do grupo intitula-se Processos da Composição Musical, estudando diferentes abordagens da criação artística envolvendo som, na forma de investigação reflexiva sobre seus ciclos de tomada de decisões a partir de suas dimensões filosófica, ideológica, estética e pontual.

Programa:

  1. Chabuca (texto de Monique Revillion em recriação ficcional sobre a vida de Chabuca Granda/ Isabel Nogueira / Luciano Zanatta)
  2. Teiniaguá (Isabel Nogueira / Luciano Zanatta)
  3. Frio (Luciano Zanatta)
  4. Azinconstâncias (Isabel Nogueira / Luciano Zanatta)
  5. Maria Elena (texto de Monique Revillion em recriação ficcional sobre a vida de Maria Elena Walsh / Isabel Nogueira / Luciano Zanatta)
  6. Lusque-fusque (Isabel Nogueira / Luciano Zanatta)
  7. A boca (Isabel Nogueira / Luciano Zanatta)
  8. Fórmula (Luciano Zanatta)
  9. Violeta (texto de Monique Revillion em recriação ficcional sobre a vida de Violeta Parra / Isabel Nogueira / Luciano Zanatta)
  10. Maldigo del alto cielo (Violeta Parra)
  11. Ciranda do aborto (Kiko Dinucci)

Ficha técnica:
Isabel Nogueira – voz e pad
Luciano Zanatta – sax, teclado, wavedrum e computador
Carlos Ferreira –  guitarra
Isadora Nocchi Martins – guitarra
Nikolas Gomes – baixo

isabel nogueira 02Isabel Nogueira é musicóloga, performer e compositora, Doutora em Musicologia pela Universidade Autônoma de Madri e Bacharel em Piano pela Universidade Federal de Pelotas. Professora do Instituto de Artes da UFRGS, professora e orientadora do PPGMUS (UFRGS), e PPG Memória Social e Patrimônio Cultural (UFPel/RS). Membro do Musimid (SP), GPPI (UFRGS/CAPES) e SARDS- Sonic Arts Research & Decolonial Studies (Universidade da Costa Rica). Desenvolve projetos de pesquisa na área de música e gênero, criação sonora e música popular. Tem livros e artigos publicados e em 2014 lançou o trabalho fonográfico Vestígios Violeta. https://soundcloud.com/isabel-porto-nogueira/

zanattaLuciano Zanatta é Bacharel, Mestre e Doutor em Composição pela UFRGS, onde estudou com Celso Loureiro Chaves e Antônio Borges Cunha. Participou dos grupos Os Relógios de Frederico, Ex-Machina e Aristóteles de Ananias Jr, com os quais produziu discos, além do seu disco solo, “Volume 2”. Lançou em formato virtual os discos Não há Banda (2011), Aparelho (2012) e Trans* (2013). Nos últimos anos tem se dedicado à composição eletroacústica, apresentando suas obras em concertos e eventos dedicados a este gênero. Atualmente é professor adjunto do Dep. De Música da UFRGS, ministrando disciplinas junto ao Centro de Música Eletrônica e no Bacharelado em Música Popular. https://soundcloud.com/lucianozanatta

carlos ferreiraCarlos Ferreira: Musico instrumentista, compositor, arranjador e professor formado em Música -Licenciatura pelo Instituto Porto Alegre desde 01/2009. Carlos e guitarrista e compositor do trio de música instrumental Quarto Sensorial, considerado um dos destaques da cena instrumental no sul do pais. Seus outros projetos são o duo de música experimental The Rise And Fall Of Ice-Pick Lobotomy, e o quarteto de jazz/rock instrumental Armina. https://soundcloud.com/carlos-ferreira-sounds
http://soundcloud.com/quartosensorial

isadora nocchiIsadora Nocchi Martins toca guitarra desde os 13 anos de idade. Realizou, em 2013, o curso 5 Week Summer Performance Program, na Berklee College of Music, nos EUA. Se apresentou no Teatro São Pedro em 2014, no espetáculo de 50 anos do Colégio João XXIII. Ingressou na UFRGS em 2015, onde cursa Bacharelado em Música Popular.

nikolasNikkolas Gomes é baixista desde os 14 anos, aos 20 anos ingressou no curso Técnico de Música da EST e em 2013 no curso de Graduação em Música Popular da UFRGS. Foi aluno de Daniel Muller, Clóvis “Boca” Freire e recentemente fez aulas com Thiago Espirito Santo. É baixista na banda do cantor e compositor Gabriel Maia e também atua como sideman em diversos projetos.

.

Palavraria - livros a.

15
dez
14

Aconteceu na Palavraria, sexta passada, 12, Pocket de lançamento do CD Café Frio, com Killy Freitas.

.

aconteceu

.

12, sexta, 19h: Pocket de lançamento do CD Café Frio, com Killy Freitas.

.

killy freitas 01.

killy freitas 02killy freitas 03 killy freitas 04 killy freitas 05.

.

.

.

.

.

Palavraria - livros c.

 

09
dez
14

Vai rolar na Palavraria, nesta quinta, 11, Sarau de contos – poesias – músicas, com o Grupo Literário Bocas cruas, formado por Angela Gerst Ferreira, Claudia Lemos, Isabelle Fontrin, Laura Schneider, Luiza Silva e Maria Cristina Petrucci Sole e convidados.

ESTA SEMANA NA PALAVRARIA b.

11, quinta, 19h: Sarau de contos – poesias – músicas, com o Grupo Literário Bocas cruas, formado por Angela Gerst Ferreira, Claudia Lemos, Isabelle Fontrin, Laura Schneider, Luiza Silva e Maria Cristina Petrucci Sole e convidados.

bocas cruas

.

Palavraria - livros a

.

12
nov
14

Vai rolar na Palavraria, nesta quinta, 13, Lançamento do livro É necessário dois para bailar um tango, de Lorene Gonçalves Soares

ESTA SEMANA NA PALAVRARIA b.

 

13, quinta, 19h: Lançamento do livro É necessário dois para bailar um tango, de Lorene Gonçalves Soares (Libertas Editora)

é necessário dois - lorena

.

Palavraria - livros a

.

.

16
out
14

Vai rolar na Palavraria, nesta sexta, 17, Debate Perspectivas sobre a composição e o estudo de canção popular, com Bianca Obino, Felipe Azevedo, Fernando Lewis de Mattos e Guto Leite. Promoção da Festipoa revisitada.

ESTA SEMANA NA PALAVRARIA b.

 

17, sexta, 19h: Debate Perspectivas sobre a composição e o estudo de canção popular, com Bianca Obino, Felipe Azevedo, Fernando Lewis de Mattos e Guto Leite. Promoção da Festipoa revisitada.

Bianca Obino convida Killy Freitas 013Bianca Obino é Bacharel em Canto Lírico pela UFRGS, Bianca agrega ao seu currículo diversos cursos, workshops e masterclasses de aperfeiçoamento nas áreas de canto lírico, canto popular, técnica vocal e fisiologia do canto com reconhecidos professores e fonoaudiólogos. Entre os cursos, participou do Florence Opera International Masterclass, cidades de Florença e Prato (Itália), em 2009, e certificou-se nos três níveis do método Somatic Voiceworktm, nas cidades de Nova Iorque e Winchester (EUA), em 2011. Atualmente, desenvolve uma temporada de estudos na Inglaterra: na Bath SPA University, ela desenvolverá seu mestrado em Composição e Canção. Suas composições estão registradas no CD Artesão, lançado em 2013.

FELIPE AZEVEDOFelipe Azevedo é compositor, violonista e arranjador. Vencedor de quatro prêmios Açorianos no RS: Menção especial – Balaio de Cordas 1999; Melhor Compositor MPB 2001; Melhor Trilha composta para espetáculo de Dança 2002 e Melhor Instrumentista MPB 2005. Além do Tamburilando, tem três álbuns lançados: Cimbalê (1998), Identidades (2002) junto com o acordeonista suíço, Olivier Forel e Percussìvé ou a prece do louva-a-deus (2007).  

fernando lewis de mattosFernando Lewis de Mattos (Porto Alegre, 1963) é compositor, arranjador, professor, musicólogo e instrumentista. Cursou música na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, ingressou no seu quadro docente em 1987 e posteriormente obteve grau de mestre em 1997 com a dissertação A Salamanca do Jarau de Luiz Cosme: Análise Musical e História da Recepção Crítica, obtendo nota máxima. Sua tese de doutorado enfocou também a produção de Luiz Cosme, sendo intitulada Estética e Música na Obra de Luiz Cosme. Tem grande número de obras compostas para os mais varidos gêneros e formações instrumentais e vocais, algumas das quais tem sido gravadas no Brasil e no exterior e recebido premiações. É um autor freqüentemente ouvido nos concertos da Orquestra de Câmara do Theatro São Pedro, da Orquestra de Câmara da ULBRA e da Orquestra Sinfônica de Porto Alegre. Suas atividades se estendem ainda às áreas do cinema e do teatro, criado trilhas sonoras, da pesquisa, com investigações em música eletrônica, da direção artística de grupos musicais, e do ensaio, escrevendo textos críticos, desenvolvendo pesquisas sobre a música gaúcha e apresentando obras gravadas de outros compositores.

guto leiteGuto Leite. Poeta, músico, compositor, professor. Poeta dos livros “zero um” (2010), “Poemas Lançados Fora” (7Letras, 2007), “Sintaxe da Última Hora” (Scortecci, 2006) e “Reflexos” (FEME, 2000), além de premiado em concursos literários e presente em diversas coletâneas de poesia. Linguista pela Unicamp, especialista, mestre e doutorando em Literatura Brasileira pela UFRGS. Atualmente trabalha como professor temporário de Literatura Brasileira na UFRGS.www.gutoleite.com.br. Teve recentemente seu livro inédito “Entrechos” agraciado no Açorianos 2012 com o prêmio Criação Literária.

.

Palavraria - livros a

.

.

07
set
14

Aconteceu na Palavraria, neste sábado 6, Lançamento do livro Passeio no tempo, poemas Herta Germany Gaiger e fotos de Miriam Germany Gaiger. Apresentação musical de Paulo Gaiger.

.

aconteceu

.

Sábado 6, Lançamento do livro Passeio no tempo, poemas Herta Germany Gaiger e fotos de Miriam Germany Gaiger. Apresentação musical de Paulo Gaiger.(Editora Ardotempo)

.

. herta, miriam e paulo gaiger 001.

. herta, miriam e paulo gaiger 002. herta, miriam e paulo gaiger 003 . herta, miriam e paulo gaiger 004 . herta, miriam e paulo gaiger 005.

.

.

.

.

.

.

. herta, miriam e paulo gaiger 006. herta, miriam e paulo gaiger 007 . herta, miriam e paulo gaiger 008 . herta, miriam e paulo gaiger 009.

.

.

.

.

.

.

. herta, miriam e paulo gaiger 010. herta, miriam e paulo gaiger 011 . herta, miriam e paulo gaiger 012 . herta, miriam e paulo gaiger 013.

.

.

.

.

.

.

. herta, miriam e paulo gaiger 014. herta, miriam e paulo gaiger 016 . herta, miriam e paulo gaiger 017 . herta, miriam e paulo gaiger 018.

.

.

.

.

.

 

Palavraria - livros c.

 

06
set
14

Vai rolar na Palavraria, neste sábado 6, Lançamento do livro Passeio no tempo, poemas Herta Germany Gaiger e fotos de Miriam Germany Gaiger. Apresentação musical de Paulo Gaiger.

.

ESTA SEMANA NA PALAVRARIA b.

 

06, sábado, 17h: Lançamento do livro Passeio no tempo, poemas Herta Germany Gaiger e fotos de Miriam Germany Gaiger. Apresentação musical de Paulo Gaiger. (Editora Ardotempo)

passeio no tempo - gertha

PASSEIO NO TEMPO é um livro de poemas de Herta Maria Germany Gaiger, comemorativo aos seus 80 anos de vida e de belas realizações. Uma seleção de poemas que pontua a sua alegria de viver e reproduz o seu olhar singular, de delicadeza e atenção sobre o mundo a seu redor. Ilustrado com esplêndidas fotografias de Miriam Germany Gaiger.

Sobre essas fotografias diz-nos Adolfo Gerchmann:
“Gostaria de lembrar aos que se detiveram nas imagens de Miriam Germany Gaiger, no livro de poemas de sua mãe, o quanto é árduo nos tocarmos por imagens que passam pela rígida limitação imposta pelo reduzido campo que a câmera fotográfica permite. Vivemos tempos de impiedoso bombardeio visual. Com esse vertiginoso ataque, muito pouco retemos em nossa memória. A beleza das fotos de Miriam nos remete ao simples, não como algo menor, mas como a síntese da janela de sua alma.”

No pocket musical, o compositor e intérprete PauloGeiger estará apresentando músicas do show “Palavras para Júlia”. Ele divulga que as canções foram escolhidas pela “beleza e provocação poética e musical”. O repertório terá músicas como:  “Quadro” (Paulo Gaiger); “Palabras para Julia” (Jose Agustin Goytisolo e Paco Ibanez); “Sépia” (Paulo Gaiger); “Milonga da noite preta” (Kleber Albuquerque); “S/Título: téc. Metal sobre pedra” (Paulo Gaiger); “Para vivir” (Pablo Milanez).

Herta Maria Germany Gaiger nasceu em 09/11/1932 na cidade de São Sepé – RS. Formou-se em Farmácia Química na UFSM (Universidade Federal de Santa Maria). Viúva do Des. Celso Luiz Franco Gaiger. Incansável na preocupação do resguardar o que faz parte da natureza e de quem dela especialmente depende, participou de entidades preservacionistas – ANAÍ (Associação Nacional de Apoio ao Índio), AGAPAN (Associação Gaúcha de Proteção ao Ambiente Natural) –, além de colocar em prática os diversos estudos e cursos de apicultura, tendo se formado em Técnica em Apicultura pela Escola Técnica de Apicultura Santa Rita, do Professor Hugo Muxfeldt, em jardinagem, plantas medicinais e afins. Desenvolveu conhecimentos em curso de Minhocultura, com a biológa Christa Knäpper. Igualmente, foi exemplar defensora do respeito e da qualidade no trato dos animais domésticos, como cães e gatos, além de seu extremo cuidado com as abelhas, preservação de suas colméias e habitats naturais. Aprecia a leitura sistemática de múltiplos gêneros literários, a música, o teatro, o cinema, as artes e, especialmente, a fotografia. Ao longo de sua vida conquistou a admiração o carinho de inúmeros amigos.

Miriam Germany Gaiger, fotógrafa, nasceu em Sobradinho em 11/06/61.Formada em Psicologia pela UFRGS, trabalha como psicóloga no Poder Judiciário desde 1985. Publicou, em 1994, juntamente com os colegas oficineiros, o livro”Contos no Solar”, resultado de Oficina Literária com Vera Molina, edição conjunta do Instituto Estadual do Livro IEL e Alves Editores.

paulo gaigerProfessor no curso de teatro da UFPel, Paulo Gaiger vive em Pelotas. Com os colegas da UFPel, Thiago Colombo e Leandro Maia, integra o grupo “Nó de Pinho”. Sua ligação com a música, porém, remonta aos anos oitenta. Em 1989, melhor intérprete no “Musicanto”,  também apresentou o espetáculo “Qual é?”. Destacou-se em edições do UNIMÚSICA da UFRGS. Em 90 montou “A paixão dos mendigos”, espetáculo músico-teatral. Em 91, espetáculo acústico “Piratas”, interpretando destaques da MPB. Em 97, via Fumproarte em Porto Alegre, gravou o CD “Armazém”. Como docente, em 95 passou a lecionar na Universidade Regional de Blumenau. Em 2000, docente na UNISINOS. Na sequência, cinco anos no exterior.

 

.

Palavraria - livros a.

.

06
set
14

Aconteceu na Palavraria, nesta sexta, 5, Pocket de pré-lançamento do CD Trilhas Sonoras para Filmes Imaginários, de Cristiano Varisco, com o autor e banda e leituras pelo poeta João Marcos Graeff Bastos.

.

aconteceu

.

05, sexta, 19h: Pocket de pré-lançamento do CD Trilhas Sonoras para Filmes Imaginários, de Cristiano Varisco, com o autor e banda e leituras pelo poeta João Marcos Graeff Bastos.

.

cristiano varisco 01.

cristiano varisco 02cristiano varisco 03 cristiano varisco 04 cristiano varisco 05.

.

.

.

.

.

.

cristiano varisco 006cristiano varisco 07 cristiano varisco 08 cristiano varisco 09.

.

.

.

.

.

.

cristiano varisco 10cristiano varisco 11 cristiano varisco 12cristiano varisco 13.

.

.

.

.

.

.

.

.

 

Palavraria - livros c.

 

02
set
14

Vai rolar na Palavraria, nesta sexta, 5, Pocket de pré-lançamento do CD Trilhas Sonoras para Filmes Imaginários, de Cristiano Varisco, com o autor e banda e leituras pelo poeta João Marcos Graeff Bastos.

.

ESTA SEMANA NA PALAVRARIA b.

 

05, sexta, 19h: Pocket de pré-lançamento do CD Trilhas Sonoras para Filmes Imaginários, de Cristiano Varisco, com o autor e banda e leituras pelo poeta João Marcos Graeff Bastos.

varisco trio 1

“Trilhas Sonoras para Filmes Imaginários”, produção de Thomas Dreher (o mesmo produtor de Aline/2013), é o segundo disco do guitarrista e compositor Cristiano Varisco, que busca uma aproximação da música instrumental com a sétima arte. A capa do álbum é um tributo ao cinema gaúcho que traz à cena a atriz Tatiana Paganella (a personagem The Dark Rider do filme premiado internacionalmente Porto dos Mortos/2010) fotografada por Juliana Lima em um close-up intimista. O álbum é uma alusão à grande tela, respirando os ares das primeiras incursões do cinema mudo até os modernos sets de filmagem, ao descrever através das composições o clima envolvente dos bastidores e as entrelinhas de roteiros virtuais em uma espécie de making-off sonoro, com muito improviso frente às câmeras (ou microfones), quiçá a espontaneidade em narrações pontuais que circundam os 15 temas instrumentais, transitando em diferentes cenários harmônicos.

O pré-lançamento do disco “Trilhas Sonoras para Filmes Imaginários” acontece na Palavraria em um pocket com participação especial do poeta João Marcos Graeff Bastos disparando sua prosa poética do livro “Deus Está com Fome”. Cris Varisco se apresenta acompanhado por Jefferson Ferreira (Os Arnaldos) no baixo e Davi Machado (tocou com Zé do Belo e Wander Wildner) na percussão.

cristiano variscoCristiano Varisco, guitarrista, é radialista formado em jornalismo pela Faculdade de Comunicação Social da PUCRS, licenciado em música pela UFRGS – violão, professor da rede municipal de ensino público. compositor e produtor musical. Trabalhou na Rádio Ipanema FM, onde integrou, nos meados dos noventa, a banda Folharada Blues Band (formada por funcionários da emissora). Tocou com Wander Wildner (Replicantes), Tchê Gomes (TNT), Marcelo Gross (Cachorro Grande), Fábio Ly (Bandaliera), King Jim (Garotos da Rua), Biba Meira (De Falla), Gabriel Guedes (Pata de Elefante), Frank Jorge e Flávio Chaminé. Trabalhou ainda com o maestro Tiago Flores (Orquestra de Câmara da ULBRA) como solista nos Concertos DANA. Trilhas sonoras para filmes imaginários é o segundo CD de Varisco. Seu primeiro é Aline (2013).

 

.

Palavraria - livros a.

.

 




julho 2020
S T Q Q S S D
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Categorias

Blog Stats

  • 744.658 hits
Follow Palavraria – Livros & Cafés on WordPress.com

%d blogueiros gostam disto: